Pix Saque e Pix Troco: como disponibilizar e quais as vantagens

As novas apostas do Banco Central são uma medida ousada para colocar na jogada algo que ainda não fazia parte do PIX: o dinheiro em espécie. Agora é possível sacar e receber troco em estabelecimentos como lojas e mercados. As vantagens do mecanismo vão para além da pessoa física. Saiba como disponibilizar Pix Saque e Pix Troco e suas vantagens 

            Desde o final do ano passado, estão disponíveis dois novos serviços de Pagamento Instantâneo: o PIX Saque e o PIX Troco. De modo geral, não tem muito mistério sobre sua dinâmica: o primeiro possibilita o saque de dinheiro em estabelecimentos comerciais e caixas eletrônicos que disponibilizarem o serviço; o outro, permite o recebimento de troco em cédulas a partir de uma compra feita com um valor excedente transferido por PIX. 

            Fácil assim? Já vamos explicar melhor como tudo isso funciona. Primeiro, queremos trazer à tona o fato de que este é mais um movimento na direção da digitalização do sistema financeiro. Englobar o dinheiro físico ao PIX é oferecer um serviço que atende um costume que se mantém na realidade dos brasileiros. Afinal, ter dinheiro em mãos é algo ainda necessário em muitas ocasiões. 

           Mas, mais do que tornar a rotina da pessoa física mais prática ao desprender as cédulas dos bancos, essas novidades também prometem trazer mais transformações positivas para os comerciantes e para agentes financeiros. Todo mundo sai ganhando. Entenda como aderir ao PIX Saque e o PIX Troco e perceba por que oferecer os serviços é interessante para seu negócio ou instituição.

Como disponibilizar o PIX Saque e o PIX Troco?

           Primeiramente, é preciso que o comerciante tenha vínculo com uma instituição financeira responsável pelas transações de PIX. Para aqueles que já oferecem a opção, o processo de aderir ao PIX Saque e/ou PIX Troco é bastante simples.

  • O comerciante deve procurar sua instituição financeira, ou escolher uma nova, para aderir aos serviços através de um ajuste contratual (ou um novo contrato, caso opte por um outro agente);
  • Também, devem ser definidos quais serviços irá oferecer, podendo optar por ambos ou apenas um deles. Aqui também serão delimitados os horários e dias de funcionamento dos serviços;
  • Em acordo, serão delimitados os valores remunerados pelo agente ao estabelecimento, a cada transação de PIX Saque e/ou PIX Troco. Eles podem ir de R$ 0,25 a R$ 0,95. Esses valores cobrem os custos de implementação, que envolvem a adaptação dos sistemas, o treinamento de atendentes, a sinalização dos serviços nas lojas, etc.;
  • Os agentes de saque, então, orientam os estabelecimentos e auxiliam na divulgação disposta nos locais. 

            Quanto ao uso dos clientes, a pessoa física tem direito a oito saques gratuitos por mês. Passada a oitava transação, o agente de saque poderá cobrar uma taxa. Porém, essa taxa não deve ultrapassar a que é cobrada pelo banco no formato de saque convencional. 

            A pessoa jurídica também pode utilizar o PIX Saque e o PIX Troco — porém, estando sujeita a cobranças desde a primeira transação do mês, de acordo com as regras do banco. O Banco Central também estipulou o limite de retirada de R$ 500,00 no período diurno e de R$ 100,00 das 20h às 6h. Se quiser, o comerciante pode definir limites menores, para que comportem seu fluxo de caixa. 

Vantagens do PIX Saque e do PIX Troco para comerciantes e agentes

            Com a liberação dos serviços pelo Banco Central no ano passado, é ainda recente seu processo de instauração. Os agentes participantes do PIX e os comerciantes que quiserem aderir às operações devem se preparar para disponibilizar o PIX Saque e/ou PIX Troco de forma adequada. Portanto, é esperado que durante 2022 o modelo esteja disponível aos poucos para a população, que se beneficiará com mais comodidade e com a possibilidade de ter dinheiro em mãos mais facilmente.

           Mas, queremos falar sobre as vantagens que devem servir de incentivo para comerciantes e agentes financeiros:

  • Para os comerciantes, possibilitar o saque e o troco através do PIX é gerar mais um atrativo para que clientes frequentem o estabelecimento. Isso gera mais fluxo de pessoas e reduz os custos com numerários. Lembrando que cada transação significa o recebimento de tarifa, valores a mais que são sempre bem-vindos.
  • Para os agentes financeiros, a novidade tem potencial de revolucionar ainda mais as oportunidades no mercado. Afinal, pequenas instituições digitais que não trabalhavam com dinheiro físico, por exemplo, terão o PIX como meio de oferecê-lo aos seus clientes, com custos viáveis de operação. Isso acirra a competição entre agentes de diferentes portes.

Por que integrar o PIX Saque e o PIX Troco aos seus serviços financeiros?

            Por tratarem da movimentação de cédulas, o PIX Saque e o PIX Troco podem causar receios quanto à logística da operação e até mesmo à sua segurança. Mas com instituições parceiras de confiança, reguladas pelo Banco Central, os serviços têm tudo para dar certo. Essas, além de organizarem sua estrutura para isso, devem saber se colocar como uma opção interessante para os comerciantes: com taxas atrativas, uma boa plataforma para os clientes, relacionamento e claro, marketing.

           Oferecer estes serviços é um passo gigante na direção da digitalização e do desprendimento da pessoa física dos bancos tradicionais. Afinal, até então o saque dependia dos pontos físicos, normalmente atrelados a grandes instituições. Se isso era um monopólio dessas organizações, a realidade era diferente quando se tratava de fintechs, cooperativas e outras instituições financeiras de menor porte.

           O saque e o troco através do PIX aproximam até mesmo pequenas instituições à dinâmica da movimentação do dinheiro em espécie, sendo ela uma dinâmica que, apesar da digitalização, continuará a existir: pois faz parte dos hábitos financeiros da sociedade. Com a participação de organizações diversas nessa movimentação, o sistema financeiro se torna mais democrático.

           Assim, ao integrar o PIX Saque e o PIX Troco aos seus serviços, sua organização se torna mais atrativa para os clientes e mais competitiva para o mercado. São mais recursos fortíssimos para bater de frente com os gigantes.

 Sua instituição financeira precisa de ajuda?

            Assim como os outros serviços do PIX e outras etapas do Open Banking, o PIX Saque e o PIX Troco funcionam através de canais digitais. Caso você esteja precisando de alguma ajuda ou melhoria para a plataforma da sua organização, não hesite em chamar a CashWay! Somos uma solução completa de gestão, experiência do usuário e muito mais. Navegue pelo nosso site para conhecer todos os nossos serviços.

5 1 votar
Classificação

Data da publicação

Compartilhar

Assinar
Notificar de
guest
0 Comentários
Inline Feedbacks
Ver todos os comentários
0
Gostaria de saber sua opinião sobre isso, por favor, comentex